Benfica conquista 3 pontos em Leiria


Jogo muito disputado em Leiria, com a equipa "da casa" a dar duas lições muito importantes:



  • Ao Benfica: Mostrou que a equipa da Luz tem de encontrar alternativas quando a equipa adversária está bem organizada. Com o passar dos tempos, maiores serão as dificuldades para a equipa de Jesus.


  • Às restantes equipas ditas "pequenas": Não é preciso "estacionar o autocarro" para jogar contra o Benfica. A organização defensiva do Leiria é de louvar e apreciar.

Muitos dirão que os tempos das goleadoas chegaram ao fim. Pouco me importa. Este jogo valeu tanto como os jogos com o Setúbal e o Belenenses: 3 Pontos.


O Benfica mostrou-se menos "criativo" na definição das jogadas ofensivas (muito por culpa do Leiria) e sentiu muitas dificuldades a levar de vencida a boa equipa do Leiria.

Que este jogo sirva de ensaio para jogos mais dificeis e dote o Benfica de maiores e melhores competências.


Mais uma vez, e espero que seja assim até ao final do Campeonato, os "extasiados" adeptos do Benfica mostram que fazem parte da equipa. São o verdadeiro 12ºJogador. O Benfica agradece, e as direcções adversárias também.


Quanto à equipa de arbitragem, chefiada pelo "melhor" arbitro Português, teve uma noite "à portuguesa". Muitas paragens, muitos erros (alguns graves)...enfim...


Excelente jogo de futebol. Resultado Final: Leiria 1 Benfica 2

fonte da imagem: maisfutebol

19 comentários:

Pirlo disse...

+ 3 Pontos. Justos!

Bom jogo do Leiria.

Siga a marinha...

Pedro Fonseca disse...

Grande espetáculo de futebol.
O Benfica acabou por vencer com um lance duvidoso, mas o resultado acaba por se ajustar.
Excelente o ambiente no estádio. Só o Benfica!

Cumprimentos.

The Crow disse...

Falando da arbitragem, o Benfica foi claramente beneficiado mas não vou entrar por aí e explico porquê, todos os anos há sempre quem seja mais beneficiado que os outros umas vezes é campeão outras não é a lei da vida e se calhar também faz parte da estrelinha da sorte.

O que me irrita é comentadores pagos pelos contribuintes que deviam prestar um SERVIÇO PUBLICO verem os lances 1, 2 , 3 , 4 vezes e dizerem que o arbitro esteve bem, isto meus senhores é FACCIOSISMO, como David Borges disse e bem uma vez "um jornalista não tem que ser isento tem é que ser SÉRIO" coisa que falta a estes senhores.

Cumps

Antonio disse...

The Crow, o Benfica foi beneficiado no lance do golo. Apesar dos arbitros marcarem SEMPRE faltas daquelas se for fora da área, para mim não é penalti.
Contudo, dizer que o Benfica foi claramente beneficiado pode induzir em erro, visto que o árbitro foi mau para os dois lados. Por exemplo: Panandetiguiri devia ter sido expulso antes de qualquer lance polémico...

Quanto aos comentadores concordo contigo...mas há muito tempo que são assim! E sim...são pagos! Só pelos contribuintes? Não sei... A comunicação social conta muito para os portugueses...

Cumps

João disse...

ROUBO DO ANO! A VERGONHA NACIONAL! O COLO ENCARNADO!


Jony

The Crow disse...

Antonio claramente beneficiado no lance que marcou o jogo ;)
Depois na parte final do jogo parece-me haver uma agressão do Javi, lance que a RTP repetiu uma vez e ao que os comentadores dizem "ele não levou amarelo pela falta mas pelo que fez depois no chão" referindo-se a um pontapé que ele dá no jogador do Leiria e fez-se silencio.

É no minimo ridiculo, e digo mais cada vez me sinto mais desiludido com o País futebolistico que temos, ao ponto das derrotas do meu FCP já nem me deixarem triste.

Cumps

Antonio disse...

João Jony...Eu até gostava de contrapor as tuas idéias, mas deixas-me sem palavras.

Já agora, disseste "Força Leiria"... Pensei que eras do Porto...

Polo disse...

Não vou meter em causa a vitória do Benfica, apesar de achar que se acontecesse o empate não escandilazaria ninguém.

Quanto ao lance capital do jogo,na minha modesta opinião, nunca deveria ser assinalado penalty mas sim livre indirecto por jogo perigoso.

É certo que o jogador Leiriense faz-se ao lance duma forma impetuosa mas,ele toca 1º na bola,só depois é que acerta no jogador do Benfica,com o pé na cara.

Em baixo deixo o que diz a lei.

Pontapé-livre indirecto
Um pontapé-livre indirecto será concedido à equipa adversária se o guarda-redes cometer uma das seguintes quatro faltas dentro da sua própria área de grande penalidade:

■manter a bola em seu poder durante mais de seis segundos antes de a soltar dos mãos
■tocar uma nova vez a bola com as mãos depois de a ter soltado sem que ela tenha sido tocado por outro jogador
■tocar a bola com as mãos depois desta ter sido pontapeada deliberadamente para ele por um seu colega de equipa
■tocar a bola com as mãos vinda directamente de um lançamento lateral efectuado por um colega de equipa
Um pontapé-livre indirecto será igualmente concedido à equipa adversária do jogador quando, no entender do árbitro:

■jogar de uma maneira perigosa
■impedir a progressão de um adversário
■impedir o guarda-redes de soltar a bola das mãos
■cometer qualquer outra falta não mencionada anteriormente na Lei 12, pela qual o jogo seja interrompido para advertir ou expulsar um jogador

Como se pode ver,jogar de uma maneira perigosa é um dos pontos desta lei e,foi o que aconteceu no lance.

Mais uma vez afirmo que não ponho em causa o resultado mas deixem-me só dizer o seguinte.

Achei que a noite europeia fez mal a esta equipa do Benfica,que apesar de ter poupado 5 elementos naquele jogo,hoje fez a sua exibição mais fraca da época isto sem tirar também o mérito à U.Leiria que soube organizar-se bem em campo.

Antonio disse...

Concordo contigo Polo!

Cumps

JoniGuerrero disse...

Concordo com o Polo, e dizer que aquele lance não é falta é um absurdo. Pode não ser penalty, mas livre indirecto é! Não é por acaso que quando se faz um pontapé de bicicleta, e está um jogador por perto, que se faz à bola de cabeça.. tem que ser marcada falta. É jogo perigoso. (ponto) É óbvio que um jogador n se faz à bola da mesma maneira, quando vê um gajo no ar com os pés na direcção da sua cara ou peito! Está nas leis! Jogo Perigoso!

Mudando agora para o que mais interessa, que é o jogo do benfica. Aí há uns tempos fiz um comentário que alertava para este facto... O benfica joga mto bem, espectaculo e tal, quando lhe dão espaço para tal. Foi um bocado frustrante neste jogo, ver a necessidade de abrir o jogo e tentar entrar pelas alas, e repetidamente ver tentativas de furar pelo meio com tabelinhas e passes curtos (Real Madrid dos últimos anos, mas ao menos temos a atitude). Fazemos isso muito bem, mas contra equipas que se fecham bem (como o Leiria o fez), temos que explorar as alas, e temos jogadores para isso. E Força Benfica =D

raul disse...

The Crow vim ca comentar para perceberes como a tua opinião não tem sentido.
Até os juizes do jornal O JOGO dizem que é penalti... será que contra o Leixões disseram que foi penalti?
Devias-te informar melhor!
Cumprimentos e para a semana tenta empatar em casa com o sporting que dava jeito.
forte abraço

The Crow disse...

Corrigindo-te 2 juizes do O JOGO dizem que não foi e 1 diz que foi, antes de escreveres informa-te amigo, e mais uma vez informa-te sobre as leis do jogo, não deixes que o teu clubismo leve a melhor sobre a razão.

Cumps

Polo disse...

E este que disse que era golo,todos nós sabemos que trabalhou no Benfica junto dos profissionais do clube.

JoniGuerrero disse...

The Crow, tu é que estás a ser tendencioso! A quantidade de lances que originaram penalties, sem discussão possível, é enorme. Esta jogada é muito difícil de analisar, ainda por cima no momento, e eu quase de certeza que também marcaria penalty. E tu também... se fosse a favor da tua equipa claro! Não é todos os dias que se vê uma entrada destas... e este não pode ser considerado um penalty hilariante, porque gera obviamente muita discussão!

Pelo facto de gerar discussão cá fora, imagina as dúvidas lá dentro! É muito bom mandar uns bitaites cá de fora, temos repetições e tudo.. em todos os angulos.. o que se quer mais? É muito difícil arbitrar um jogo... e acho que não deve haver dúvidas disso.

Acho que se devia dar mais alguma margem de manobra aos árbitros... fora situações extremas, em que é clara a intenção de beneficiar ou prejudicar alguém... e penso que é claro que este não é o caso.

Sinceramente não gosto muito de comentar questões de arbitragem.. fi-lo desta vez e fico-me por aqui.

Polo disse...

Amigo JoniGuerreiro.

Erros de arbitagem sempre os houve ao longo dos anos e sempre irão acontecer no futuro.

Agora acontece é que em relaçãp há década de 60 que foi quando eu comecei a ver futebol,os erros não duplicaram mas quintiplicaram.

Neste lance de Domingo,eu não ponho as culpas ao àrbito até porque este pode estar a ser tapado pelo próprio Aimar não se apercebendo do que se passou.

O àrbito auxiliar que acompanhava o ataque do Benfica,em melhor posição que o seu colega de equipa e com melhor visão do lance,é que devia de chamar atenção e explicar o que se passou na realidade.

O àrbito e aí concordo contigo,deve ter sido levado em erro pela entrada impetuosa do jogador Leiriense e,não se apercebendo do que aconteceu na realidade.

Por isso se há alguem que é culpado no julgar do lance este alguém é o auxiliar.

The Crow disse...

Em primeiro lugar não me conheces para dizer se eu marcaria se fosse a favor da minha equipa ou não, se eu fosse arbitro seria ou tentaria ser isento.

Ser tendencioso é manifestar a minha opinião?
Então lamento, SOU sem duvida, alguma vez me viste dizer que não foi falta? NAO! isso sim seria ser tendencioso.
Apesar do jogador da Leiria tocar na bola há pé em riste, logo deveria ser marcado livre indirecto na área, ou será que também és como alguns Benfiquistas que já li que dizem que livre indirecto na área so se marca quando o defesa atrasa a bola abaixo da coxa para o GR? lol

Sinceramente esta discussão não interessa a ninguém, pelo menos a mim, manifestei a minha opinião, se não a aceitam, paciencia agora não vou alimentar mais discussões á volta deste assunto.

Cumps

Ramzi disse...

Lei 12 - Jogo Perigoso

"Por jogo perigoso entende-se toda a acção de um jogador que, ao tentar jogar a bola, põe em risco a integridade física de qualquer jogador,(incluindo ele próprio). O jogo perigoso é cometido na proximidade de um adversário, impedindo-o de jogar a bola por receio de ser lesionado.

Os pontapés de "tesoura" ou de "bicicleta" são autorizados, desde que não constituam perigo para o adversário.

O jogo perigoso não implica necessariamente contacto físico entre os jogadores. No caso de contacto físico, a acção passa a ser punida com um pontapé-livre directo ou com uma grande penalidade. No caso de contacto físico, o árbitro deve analisar a possibilidade de ter ou não havido um comportamento antidesportivo.

Sanções disciplinares

- Se o jogador joga de maneira perigosa na tentativa "normal" de conquistar a bola, o árbitro não deve tomar nenhuma medida disciplinar. Se a acção comporta um evidente risco de lesão, o árbitro deve advertir o jogador.

- Se um jogador, por jogo perigoso, anula uma clara oportunidade de golo, o árbitro deverá expulsá-lo do terreno de jogo.

Recomeço do jogo

- O jogo recomeça com um pontapé-livre indirecto no locar em que a infracção foi cometida. (ver Lei 13 - Local dos pontapés-livres).

- Se houve contacto físico, foi cometida uma infracção de natureza diferente, que deve ser sancionada com um pontapé-livre directo ou um pontapé de grande penalidade."


Fonte

Polo disse...

Leiam o 5ºpontinho preto.


Pontapé-livre indirecto
Um pontapé-livre indirecto será concedido à equipa adversária se o guarda-redes cometer uma das seguintes quatro faltas dentro da sua própria área de grande penalidade:

■manter a bola em seu poder durante mais de seis segundos antes de a soltar dos mãos
■tocar uma nova vez a bola com as mãos depois de a ter soltado sem que ela tenha sido tocado por outro jogador
■tocar a bola com as mãos depois desta ter sido pontapeada deliberadamente para ele por um seu colega de equipa
■tocar a bola com as mãos vinda directamente de um lançamento lateral efectuado por um colega de equipa
Um pontapé-livre indirecto será igualmente concedido à equipa adversária do jogador quando, no entender do árbitro:

■jogar de uma maneira perigosa
■impedir a progressão de um adversário
■impedir o guarda-redes de soltar a bola das mãos
■cometer qualquer outra falta não mencionada anteriormente na Lei 12, pela qual o jogo seja interrompido para advertir ou expulsar um jogador

Ah,esquecia-me dizer que isto foi tirado do site da Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Mas se quiserem as leis Autorizadas pelo International Football Association Board,também se arranja.

Ramzi disse...

Carregaste no link que diz "Fonte" no meu comentário? Ora vê lá de onde vem o excerto da lei que aqui coloquei. E leste o texto com atenção? Percebeste que o que escrevi aqui é relativo ao "Jogo Perigoso" e que portanto, quando há contacto físico, o castigo passa pela marcação de um livre-directo ou de uma grande penalidade se for dentro da grande área? É assim tão difícil de compreender que o texto que escreveste se refere a situações onde não existe contacto físico?

Enviar um comentário

 
Trio Galático. Design by Wpthemedesigner. Converted to Blogger Template by Anshul