F.C.Porto vs Naval - Chamam-lhe sorte ...

Os extremos tocam-se. Depois de, na primeira volta, a Naval ter dado bastante trabalho ao Porto, eis que a equipa da Figueira da Foz, última classificada, vinha agora ao Dragão para jogar com o líder da liga Sagres.


O Porto apresentava-se com algumas alterações face ao jogo da taça. Fucile entrava para a esquerda, Guarin e Moutinho regressavam à equipa e James, após uma sequência de 6 jogos seguidos, iniciava o jogo no banco.


A equipa de Mozer entrou com muitas cautelas no jogo. Apostada em tapar os espaços e aumentar a ansiedade dos Dragões, a Naval tentava chegar à baliza de Hélton num eventual contra-ataque. Sem grande convicção ofensiva, a estratégia defensiva ia dando os seus frutos. Os espaços eram poucos mas o Porto, controlando a posse e o jogo, ia atacando e tentando chegar à baliza adversária, tendo criado apenas um par de situações de verdadeiro perigo. Até que …



num lançamento rápido, Varela isola-se e encontra Falcao livre para fazer o primeiro. O goleador Colombiano facturava assim, no regresso aos jogos após lesão. O Porto marcava perto do intervalo e podia assim pensar no descanso com mais tranquilidade, mas Belluschi, Falcao e Hulk queriam ainda mais e, no minuto seguinte, construíam uma (grande) jogada ao primeiro toque que o Incrível finalizou, facturando o seu 14º na Liga.


2 golos, domínio e tempo para futebol bonito. Chegava ao fim da primeira parte. Os líderes do campeonato iam para o intervalo a ganhar por 2 e tudo se conjugava para mais uma vitória.



Na segunda parte, mais do mesmo. Mozer efectuou algumas alterações na esperança de poder mudar o rumo dos acontecimentos mas a Naval continuava longe da baliza do porto. Os Dragões sempre com mais bola e com mais oportunidades (Falcao teve mais 2 boas oportunidades para facturar) mostrava que a qualquer momento poderia surgir mais um golo, o que veio a acontecer. Helton (que foi apenas chamado a intervir "a sério" por 2 vezes), depois de interromper uma jogada de ataque da Naval, soltou rápido e comprido para Hulk que, aproveitando um erro do capitão Orestes, isolou-se frente a Salin e fez o seu segundo do jogo. 16 golos em 15 jogos … Hulk esmaga!


A Naval chegou ainda ao tento de honra após um pénalti cometido por Fucile.


Vitória justíssima dos Dragões, que continuam a mandar em casa. Há quem lhe chame sorte ...


Até breve!

8 comentários:

Antonio disse...

Boas Daniel

Antes de mais, importa frisar que não vi o jogo (tenho de começar a ver sempre, porque quando não vejo "parece" que o Porto joga bem...), mas acredito na tua análise.

Pelo que ouvi dizer, só te esqueceste de referir que só vale estar uma bola em campo... :P

Quanto aos golos, pela repetição, vê-se claramente que foram 3 erros infantis de jogadores da Naval, muito bem aproveitados pela equipa do Porto.

Não duvido da justiça do resultado, já que outra coisa não seria de esperar quando os extremos se tocam...

--

Quanto à brincadeira do "há quem lhe chame sorte", não percebo bem a que te referes.

Já que fui eu que um dia falei em sorte, embora num contexto completamente diferente, resta me dizer que a liderança de oito pontos do Porto nunca se poderia dever exclusivamente a sorte.

Quanto a mim, há três factores relevantes:

1º A força, enquanto equipa, do Porto;
2º As arbitragens;
3º Sorte;

A ordem de relevância destes factores...deixo para mim ;)

Daniel disse...

Não é que tenhamos feito uma super exibição, mas também já percebi que, intencionalmente ou não, a equipa já não entra com aquela pressão sufocante nos jogos. Se calhar fruto da gestão que quer fazer do plantel para as várias competições (e porque a distância assim o permite), se calhar porque está com a ideia que mais tarde ou mais cedo o golo cai. Espero que não seja por esta última razão.

De qualquer maneira fizemos uma exibição muito consistente e o resultado só peca é por escasso dadas as oportunidades que tivemos.

Em relação ao lance do golo, já durante o jogo tinha ficado com essa ideia e há, de facto, duas bolas em campo. No entanto, uma vez que uma se encontra no outro lado do campo, não se pode dizer que tenha atrapalhado ou iludido os jogadores. Já muitas vezes se viu uma bola entrar em campo sem querer e ir alguém a correr chutar a bola para fora sem que o jogo pare. Aliás, alguns árbitros assim o dizem:

Jorge Coroado
+

No entendimento restrito da lei, o lance não deveria ser validado. Na verdade, a segunda bola encontrava-se no extremo oposto. Manda o bom senso que, nessas circunstâncias, e porque a mesma não tinha interferência com a jogada, deixar que o jogo prossiga e, azar dos azares deu golo. Os jogadores estão lá para jogar e não para arbitrar.

Pedro Henriques
+

O jogo não deveria ter recomeçado com uma segunda bola dentro do terreno, mas, ao recomeçar desta forma, isso não invalida a regularidade do golo. De resto, o primeiro golo do FC Porto é legal: a bola sai de um lançamento lateral, onde não há fora-de-jogo, e Falcao também recebe em posição correcta.

Paulo Paraty
+

O jogo não deveria ser reatado com uma bola a mais dentro do campo. Apesar de ser uma decisão errada, teremos de entender que essa bola a mais, para além de estar longe do local de acção de jogo, não tinha qualquer influência e estaria também fora da acção visual da equipa de arbitragem.

Em relação à sorte, a "dica" foi mesmo para ti. Mas sobre isso podemos falar pessoalmente, porque disse desde o início que não ia entrar em discusos "inflamados" aqui e é o que iria acontecer caso fosse responder a alguns dos teus últimos posts ;)

Either way, é só futebol.

Grande abraço!

Fox disse...

Então mas isto sem discursos inflamados não tem piada nenhuma ó Daniel :p

Antonio disse...

:)

Os meus últimos posts descrevem factos... mas compreendo que não queiras discutir esses assuntos ;)

Grande abraço!

O Anónimo disse...

Daniel,

António = Protagonista pela negativa, um incendiário e discursos inflamados é o que o alimenta diariamente.

Uma resposta clara para ti Daniel,

O FC Porto como disse e muito bem pelo seu jovem e grande treinador, não vai dar ópera em todos os jogos. Vai haver jogos, em que a equipa vai fazer uma grande gestão e não vai sobrecarregar, porque há que poupar jogadores e esforços!

Porque o FC Porto habituou-nos que se joga uma competição é para ganhar não para perder, principalmente competições com prestígio!

Ora bem, o FC Porto tem uma aposta clara este ano, vencer o Campeonato e vencer a Taça Europa! E de tudo fará para o conseguir!

Ao contrário por exemplo do Benfica o ano passado que quis poupar jogadores na UEFA para poder dessa forma poupa-los para o campeonato que é o que sempre quiseram ganhar! Perderam uma oportunidade de ouro de trazer mais um caneco europeu para Portugal, ou é preciso recordar que o Atletico Madrid, vencedor da competição foi dominado pelo FC Porto e perdeu os 2 jogos contra o FC Porto nesse mesmo ano na Liga dos Campeões?

Ressalvo que o FC Porto 09/10 foi segundo classificado do campeonato Português, esteve em clara má forma e num patamar inferior ao que nos últimos 4 anos nos tinha habituado!

Para o Benfica, o que importa era ganhar o campeonato ao FC Porto tal é a sede e a fome de verem o porto no fundo!

O Porto aposta forte onde entra (excepção feita à taça da liga, taça que nunca deu grande importância, daí o nível de motivação dos seus jogadores não se comparar com qualquer uma das outras competições).

O último FC Porto campeão Europeu, ganhou campeonato, Supertaça, Liga dos Campeões e foi à final da Taça de Portugal onde perdeu para o Benfica num jogo com muita história!

O Porto contra a Naval entrou muito bem, entrou forte e teve oportunidades de golo claras (conto umas 4 ou 5) nos primeiros 35 minutos.

Não as concretizou, mas o volume ofensivo era impressionante com o quarteto atacante a fazer estragos olha pela esquerda, olha pela direita olha pelo meio!

Guarín está num grande forma!

Falcão mesmo a jogar lesionado, joga muito!

Não esquecer também que uma das causas para as quebras de rendimento do FC Porto está relacionada também com alguma fatiga nos vários jogos já disputados (jogos difíceis na taça uefa em climas hostis e temperaturas adversas onde o FC Porto deu tudo e de tudo fez para ganhar mesmo já estando apurado!)

Relembro que o Benfica na liga dos campeões na presente época, foi uma vergonha, e uma lástima, os jogadores não defenderam as cores encarnadas ou nacionais, não tendo visto eu vontade do Benfica em ganhar qualquer um dos jogos que disputou. Talvez a boa forma actual até possa estar de certa forma relacionada com isso, pois sinceramente eu nem sequer jogadores vi a correr! Sempre são 6 jogos a menos que o Benfica tem em relação ao FC Porto. ;D

Ressalvo também...

FC Porto tem tido algum azar em lesões, jogadores como Fernando, Falcão, Varela e Álvaro Pereira (!!!) têm dificultado a vida! Para não falar também da má forma de jogadores como Cebola ou Fucile!

Nos últimos jogos (desde do jogo de Alvalade!) tenho denotado o imperador João Moutinho muito abaixo dos que nos vinha a habituar!

Abraço Daniel.

Daniel disse...

@Fox queres uma resposta inflamada? Mamaste um golo a mais de 40m da baliza, num remate a menos de 90 Km/h. Vai para o quarto e esconde-te debaixo da cama a chorar =P (estou só no gozo pá, não me batas)

Abraço ;)

@António, não disse que não queria discutir estes assuntos. Disse que não gostaria de o fazer aqui, onde facilmente as conversas descambam e se "perde o controlo".

E os teus últimos posts não descrevem factos nenhuns, tirando a choradeira com a contabilidade dos penalties e dos foras de jogo "que podiam dar golos".

Se aquele golo de ontem tivesse acontecido no Dragão, era a me#$@ mais escandalosa de sempre, e era a vergonha do futebol Português, e o apito cromado, e o azulado, e o blá, blá, blá do costume.

Abraço ;)

@Anónimo, para o bem ou para o mal, gostava que o pessoal que faz comentários aqui os assinasse. É uma prova que defende as suas convicções (sejam elas quais forem e sejam elas mais ou menos "ferrenhas").

De qualquer maneira vou-te responder dizendo que acho normal que o Porto entre de forma diferente nos jogos. Espero é que seja pelas razões certas e não por alguma "descompressão". É que ainda NADA está ganho.

O Benfica do ano passado foi uma equipa que jogou muito futebol (e foi um justo campeão), mas que cedo disse que estava concentrado no campeonato. O Porto deste ano já assumiu que quer ganhar a Liga Europa (não quer dizer que aconteça, mas quer dizer que tem, no seu plano de época, uma rotatividade para entrar forte nos jogos desta competição por forma a tentar ganhá-la).

O Benfica do ano passado teve muitos jogos em que jogou com 10 e contra 9 (não estou a dizer que bem ou mal, estou a apontar um facto) e isso também pesa na forma como se conseguem gerir os jogos.

Temos tido algum azar com lesões, como falas, mas penso que talvez a mais importante seja mesmo o Álvaro, pois é um jogador que dá muita profundidade do lado esquerdo e o seu substituto não só não está em forma, como também esteve tocado até há bem pouco tempo. Isto porque o seu substituto natural (Rafa) já mostrou que ainda está verde para jogar com esta camisola. O Fernando tem sido bem substituído, apesar do Guarin ser um jogador completamente diferente e o Varela também. E não devemos esquecer que já variámos a táctica para podermos jogar com 4 médios e só com o Hulk e o Falcao na frente e a equipa esteve igualmente bem.

Em relação ao meio campo, mais do que o Moutinho, tenho notado uma ligeira quebra no Belluschi e a construção de jogo resente-se muito. O Moutinho é um médio de passe curto, de tabela, não de passes de rotura como o Belluschi. E quando o argentino anda longe do jogo, como tem acontecido, a equipa ressente-se.

Abraço ;)

Antonio disse...

Daniel,

Nunca me ouviste falar desse "bla bla bla" do costume...

Quanto aos 12 (DOZE) :p penaltis não serem factos...discordo!

Anónimo,

Assina (mais) os posts.

Daniel disse...

António, foi o que eu disse:

"E os teus últimos posts não descrevem factos nenhuns, tirando a choradeira com a contabilidade dos penalties e dos foras de jogo "que podiam dar golos". "

;)

Enviar um comentário

 
Trio Galático. Design by Wpthemedesigner. Converted to Blogger Template by Anshul