Quem nunca pecou que atire a primeira "Fruta"



Permito-me transcrever aqui um post do senhor António Boronha no seu blog pessoal. Como devem saber, trata-se de um homem com mais anos de futebol que a maioria dos frequentadores deste blog tem de vida.
Aqui fica a sua “estória 41”
“estórias da bola quarenta e um
a propósito da partida desta noite entre o 'benfica' e o 'marselha' estou farto de ouvir gente, alguns nem nascidos eram, falar de uma outra, entre os mesmos intervenientes realizada na primavera de 1990.
ora acontece que eu, na altura 'presidente' de um clube que (já) liderava isolado a 'zona sul' da 2ª. divisão, o 'farense', acabei por ter tido uma relação um pouco estranha e absolutamente casual com tudo o que se passou nessa noite, no velho 'estádio da luz'.
várias peças soltas e desirmanadas que se juntaram, num espaço de horas entre o início da noite e as 4 da manhã, acabando por formar um mosaico, para mim, inesquecível.

primeiros os elementos isolados:
- por intermédio de álvaro braga júnior, hoje presidente do 'boavista' e à época 'director desportivo' do 'farense' - sim! a partir de finais de '80' o 'farense' tinha na sua orgânica o cargo de 'dd'! - eu era talvez uma das poucas pessoas no país que já tinha chegado à fala com o árbitro indicado para a partida, o belga marcel langenhove;
- fui convidado para assistir ao prélio, acompanhado de um v/p do meu clube, luís baptista mais tarde presidente da 'arbitragem', no camarote presidencial do 'benfica'. remeteram-nos para a zona dos não afectos às cores da casa onde desfrutei da companhia do então presidente do 'sporting', josé de sousa cintra, e meia dúzia de pessoas ligadas ao 'marselha', elementos da embaixada de 'frança', julgo;
- festejei, moderadamente, o golo de vata no meio da enorme euforia que se vivia naquelas paragens, excepção feita aos 'franciús' e...ao zé sousa cintra que arrepanhava os (poucos) cabelos que tinha, perguntando-se, 'como é que tinha sido possível tamanha injustiça?...a do 'benfica' ir à final da 'champions'!!!;
- terminado o jogo, eu e o luís, resolvemos ir à 'baixa' comer qualquer coisa tendo durante o percurso ouvido no rádio do carro que o golo do 'benfica' tinha sido marcado com a mão, como, diziam, as imagens televisivas mostravam. foi a primeira vez que tomámos conhecimento de tal possibilidade!
- a euforia encarnada - e o paraíso cavaquista que então se vivia à custa dos dinheiros de bruxelas - tinham enchido por completo a maioria dos restaurantes da 'baixa' lisboeta. arrajámos lugar na 'lagosta real' onde quem lá estava(?) era sousa cintra (de novo) em animado convívio com o autarca mor de 'aljezur', na costa vicentina. (sousa cintra nunca brincava em serviço!);

juntemos agora estes elementos soltos, num só.
terminado o repasto e tendo jsc tratado dos 'negócios' que tinha a tratar zarpámos, os três, para 'lavar a vista' e beber um 'whisquinho' no, onde é que poderia ser?, 'elefante branco'.
quem lá estava, para além de uma enorme multidão?
a equipa de arbitragem chefiada por langenhove, césar correia e alder dante, que os acompanhavam, e dois funcionários do 'benfica', sendo um deles...loura e bonitinha...
quando me dirigi à mesa para os cumprimentar, marcel puxou-me de lado e perguntou-me:
- oiça lá, o golo foi com a mão?...
- tentando meter água na fervura, respondi-lhe que estivesse tranquilo, pois só muito depois de ter saído do estádio e ter tido conhecimento do que as imagens revelavam é que eu próprio me apercebera de tal possibilidade. daí ele poder ficar sem qualquer peso na consciência pois se algo de irregular houvera tinha sido algo que humanamente lhe escapara, como a milhares que assistiam ao jogo no estádio.
aproveitei ainda o momento para lhe apresentar o presidente do 'sporting', pessoa com quem se poderia vir a cruzar no futuro, o qual não perdeu a oportunidade para enquanto lhe apertava a mão dizer em português: ' vocês (árbitros) são todos iguais! sempre a gamar para o lado do 'benfica'!
depois desta tirada resolvi sair pela esquerda baixa e...ir para a cama. sozinho.”

6 comentários:

Diogo Marinho disse...

nao resisti a trazer para aqui esta perola do antigamente, peço desculpa a que sentir os seus eternos argumentos sobre as frutas portistas feridos, mas aproveito para lançar á discussão um tema... Alguém acredita que no futebol portugues existem clubes sem telhados de vidro??

Anónimo disse...

Obvio que sim gordo !! o nosso sporting eh o clube mais serio dos tres grandes e o unico que nao anda nem nunca andou nesses esquemas...

Raul disse...

Bom post, apenas devia estar num blog do circo do dragão.

Pena ser fundamentado na opinião de uma pessoa que é um apoiante assumido do Sporting. Além do mais é no mínimo estranho que este senhor e apenas este fale neste caso, que nunca ninguém conheceu.
Como é lógico esta história não tem qualquer credibilidade.
Mais curioso ainda é este o autor deste post criticar constantemente e acusar Carolina Salgado de ser mentirosa e inventar historias. Historias que não só ela viu e ouviu, mas já todo o Portugal pode hoje ver(basta procurar por "escutas" no youtube) e os tribunais julgam todos os dias, e sempre com os mesmos senhores sentados no banco dos Réus(Pinto da costa e companhia).

O Benfica passou o Marselha esta semana e mostrou que é de longe o clube português que mais futebol joga.

Tribunais e corrupção é para o norte. Porrada no balneário é para alvalade.

Cumprimentos!

António disse...

Caro Diogo, tens razão quando questionas (de forma retórica) se há clubes que não tenham telhados de vidro. Apesar de, como o Raul diz, o testemunho desse senhor não ter qualquer credibilidade, tenho perfeita consciência que não faço idéia do que se passava nesses tempos.

Admito que o Benfica tenha telhados de vidro, mas sempre que há algo com o qual não concordo no meu clube...critico! Sou sócio, accionista e, pelo menos, posso-me queixar.

Se alguem dia o LFV estivesse na situação (ou suspeita) em que está o Pinto da Costa, podes ter a certeza que enquanto Benfiquista, exigia que saisse do meu clube. Para mim não vale tudo e a imagem do Benfica está acima de qualquer vitória ou caneco para meter no múseu.

O que é que os Portistas fazem, quando são confrontados com estas situações? Batem palmas, assobiam para o ar e contam os trofeus conquistados!

Não me espanta a ineficácia da justiça portuguesa, espanta-me a vossa inércia...

Cumps!

Diogo Marinho disse...

vejo que este post gerou controversia. a ideia geral nao era acusar o benfica mas sim dizer aquilo que em que eu acredito, que no futebol portugues nao existe um unico clube que seja honesto, e que isso ja vem desde ha muito tempo.
quanto a credibilidade e evidente que este senhor nao tem mais que a outra senhora, nem eu vou pedir que se façam processos e dizer que a justiça esta errada, ate porque, se quem esta no futebol se sente bem com o que por la se passa merece continuar a viver por la.
eu concordo contigo antonio, no dia em que a relaçao do pc com a salgado descambou naquele livro ele devia ter-se demitido, porque ninguem tem o direito de manchar a imagem do clube, nem mesmo o homem que o levou a tantos titulos. porque nao e dono do clube. e como socio e tambem accionista da fcp sad, teria votado contra ele se outra lista houvesse.ainda assim, nada disso, como nada do que este senhor escreve e suficiente para se julgar na praça publica como foi feito no caso do pc, porque para isso existem leis e justiça(por muito que te custe raul).
de qualquer forma, aconselho a leitura de alguns textos do blog do senhor...da para rir mas tambem levanta algumas suspeitas.

Diogo Marinho

Fox disse...

Sim claro, e esse tal de António Boronha foi ao "Elefante Branco" na maior das suas inocências... já viste a coincidência dele ter ido lá justamente na noite em que isso aconteceu ? Isto há dias de sorte...

Enviar um comentário

 
Trio Galático. Design by Wpthemedesigner. Converted to Blogger Template by Anshul